Mobilidade na cidade do Porto em debate na 2º tertúlia da APRUPP

A Associação Portuguesa para a Reabilitação Urbana e Proteção do Património (APRUPP) vai organizar no próximo dia 13 de setembro, pelas 21.30h, na Garagem Comércio do Porto, um encontro sob o tema “Mobilidade no Centro Histórico: um obstáculo na devolução das famílias à Baixa?”.

A tertúlia pretende focar-se no tema da mobilidade urbana e a sua influência na atratividade da função habitacional, com especial enfoque nas famílias com filhos, e a sua implicação direta na regeneração do centro histórico e consequentemente dos seus edifícios.

 O evento conta com um painel composto por cidadãos, académicos, decisores e utentes de meios de transporte alternativos: Álvaro Costa (Professor FEUP, especialista em mobilidade), Gonçalo Gonçalves (Vereador Urbanismo e Mobilidade CMP), Ricardo Santos (profissional ativo, morador no centro histórico do Porto, com a família), Miguel Barbot (Ativista em prol das cidades, autor do blogue ”1penoporto.wordpress.com”) e Sílvia Magalhães (moderadora, APRUPP).

 “Todas as pessoas se deslocam diariamente e, uma grande parte, várias vezes ao dia, logo a questão da mobilidade é sempre ponderada na opção pela localização da habitação e pela decisão de nos deslocarmos ou não a determinada zona. Em particular, queremos perceber a relação da mobilidade e do estacionamento com a função habitacional no centro histórico, se existe realmente essa relação e que peso tem na decisão de escolha da casa para comprar, arrendar, etc.; queremos também perceber se o centro histórico está “condenado” a viver apenas com determinado tipo perfil de moradores: idosos, jovens estudantes e trabalhadores, ou se podemos imaginar no futuro um cenário com famílias a repovoar o centro, a conseguir fazer as suas deslocações necessárias ao infantário, escola, trabalho, a partir de uma área central”, refere Sílvia Magalhães da APRUPP.

 Esta tertúlia é já a segunda de um programa de tertúlias que está a ser organizado pela APRUPP e que se destinam ao público em geral.

A iniciativa é de entrada livre.

Sobre a APRUPP:

 A APRUPP é uma associação de técnicos e de cidadãos em geral que partilham o interesse pela reabilitação urbana e pela proteção do património. Esta associação tem como objetivos: promover e divulgar o conceito de reabilitação urbana como principal veículo para a salvaguarda da identidade e valorização do património construído, a redução das assimetrias sociais e a promoção da participação dos cidadãos; colaborar na preservação do edificado de interesse histórico e patrimonial; estudar, aperfeiçoar e divulgar as boas práticas da reabilitação urbana; apoiar a formação de técnicos; e desenvolver o intercâmbio nacional e internacional de práticas, saberes e conhecimentos no campo da reabilitação e da proteção do património.

Sobre os Oradores:

Álvaro Costa. Fundador e Presidente do Conselho de Administração da TRENMO, Engenharia SA. Licenciado em Engenharia Civil (FEUP). PhD pela Universidade de Loughborough, no Reino Unido, e Mestre em Transportes pelo Instituto Superior Técnico desde 1992. Professor Associado da FEUP. Coordenador do Doutoramento em Transportes da FEUP. Para além do seu longo currículo de docente e investigador, foi consultor de numerosas organizações e empresas públicas e privadas, tendo ocupado, entre 1997 e 2002, o cargo de Administrador da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto, STCP, SA

Gonçalo Gonçalves. Vereador do Pelouro de Urbanismo e Mobilidade na Câmara Municipal do Porto.Direção Municipal de Urbanismo, Direção Municipal de Gestão da Via Pública; Presidente do Conselho de Administração da GOP – Gestão de Obras Públicas, EEM; Administrador Não Executivo da SRU; Administrador Não Executivo da Metro do Porto; Presidente do Conselho de Administração da Águas do Porto, EEM.

Ricardo Santos. Engenheiro Civil, Empresário da Construção Civil (RIELZA) e Projetos de Engenhara Civil (BESTPROJECT), Morador no Centro Histórico (Praça Poveiros), casado, com 2 filhos pequenos, sem garagem.

Miguel Barbot. Ativista encartado em prol das cidades mais amigas das pessoas, especialmente das que deixam o carro em casa, é autor do blogue ”Um pé no Porto e outro no pedal” (1penoporto.wordpress.com), onde fala da forma como vê a cidade a partir da sua bicicleta. Após 10 anos numa consultora a ajudar empresários a melhorar os seus negócios, fez-se comerciante, dos tradicionais, e abriu em Matosinhos a Velo Culture, uma loja dedicada a todos os que têm a bicicleta como um ponto central da vida e a utilizam como meio de transporte.

Moderadora: Sílvia Magalhães: Licenciada em Engenharia Civil (FEUP), Pós Graduada em Transportes (FEUP), Pós Graduada em Reabilitação do Património Edificado (FEUP). Já desenvolveu atividade comercial e de Projeto de Estruturas em empresas como a COBA, DST, Newton e TRENMO e colabora desde 2009 com a SOPSEC, SA, em Fiscalização de Obras. Membro fundador da APRUPP – Associação Portuguesa para a Reabilitação Urbana e Proteção do Património.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em 12. Reabilitação Urbana com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s