Campanha Cívica ‘Cidades para a Retoma’ | 5 passos

Consultem o site Cidades pela Retoma e obtenham mais informações.

Num momento de particular dificuldade financeira e económica do país, a campanha cívica ‘Cidades pela Retoma’ pretende sensibilizar os poderes públicos (nacionais e locais), os agentes económicos e sociais e os cidadãos para a pertinência e oportunidade de reflectir sobre o papel das cidades na retoma económica.

A campanha que agora se inicia insere-se num desafio cívico internacional designado ‘No economic recovery without cities’, iniciativa desenvolvida no espírito da “World Urban Campaign” (http://www.unhabitat.org/) que as Nações Unidas estão a levar a cabo em 2010.

Conceito

A campanha irá mobilizar os cidadãos, em particular os especialistas da temática das cidades (técnicos e cientistas), empresários,  personalidades das artes, cultura e dos media e, ainda, individualidades que desempenhem cargos de responsabilidade política a participar num exercício de reflexão colectiva sobre o papel das cidades na actual fase de desenvolvimento do país, que vise identificar e avaliar os seus recursos com potencial para o desenvolvimento económico e social e ajudar a definir uma ‘agenda local para a retoma’.

5 passos para concretizar a ideia

  1. Divulgue a Campanha ‘Cidades pela Retoma’ – ela só terá força se formos muitos!
  1. Organize um grupo promotor local da campanha. Promova um encontro preliminar com as pessoas interessadas da sua cidade para pensar como a iniciativa pode ser levada a cabo e procure mobilizar especialistas ou investigadores que conheçam ou vivam na sua cidade (é importante trazer conhecimento técnico e científico para o processo de reflexão). Numa fase subsequente, convide alguns elementos da sua comunidade (economia, cultura, terceiro sector, ensino, saúde, política e media) para ajudar a participar no lançamento da ideia.
  2. Crie um blogue/site para informar a sua comunidade sobre a ideia. O blogue/site deve dar informação clara sobre: campanha e seus objectivos; contactos dos promotores; iniciativas desenvolvidas ou a desenvolver (calendário); exemplos de recursos/dinâmicas relevantes da cidade (que ajudem a mobilizar para a acção).
  3. Promova um conjunto de conversas informais sobre o papel da sua cidade na ‘retoma económica’ onde se procure: i) discutir e compreender os ‘problemas económicos e sociais’ da cidade; ii) identificar recursos potenciais; iii) desenhar agenda de questões prioritárias para a retoma (com potencial para promover desenvolvimento económico e social); iv) partilhar experiências inovadoras (locais, nacionais ou internacionais) nos domínios prioritários; iv) procurar pistas de resposta;
  4. No final dos debates deverá haver a preocupação de produzir ‘uma agenda local para a retoma económica’ (propostas de dinamização e animação económica e social das cidades) na qual a comunidade se deve rever e que deverá funcionar como uma recomendação para acção (pública e privada) à escala local, com partilha à escala nacional (o contributo das Cidades para uma ‘Agenda Nacional para a Retoma’)
Advertisements
Esta entrada foi publicada em 1. Imprensa, Blogosfera e Web, 7. Cultura Urbana. ligação permanente.

Uma resposta a Campanha Cívica ‘Cidades para a Retoma’ | 5 passos

  1. Caros, convido-os para o primeiro acto público da iniciativa Cidades pela Retoma, já nesta semana, no Clube Literário do Porto.

    Um abraço,

    Miguel

    http://www.acdporto.org/2010/10/09/cidades-pela-retoma/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s